Mosteiro da Cartuxa

Um espaço invulgar de silêncio e de elevação espiritual

  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa
  • Mosteiro da Cartuxa

O Mosteiro da Cartuxa foi construído em Évora, entre 1587 e 1598, pelo Arcebispo D. Teotónio, da Casa de Bragança, a qual, uma vez reinante, enriqueceu artísticamente a igreja: no séc. XVII, D. Pedro II, com pórtico e fachada de mármore, admirada do exterior, no séc. XVIII, D. João V, com retábulo de talha dourada; por isso esta igreja foi declarada monumento nacional em 1910.

É aqui que os Monges Cartuxos levam uma vida solitária de oração, desde 1598.

O mosteiro fica perto de Évora e o seu sino, especialmente o da meia-noite, forma parte do encanto da cidade-museu, património da humanidade. Hoje a Cartuxa de Santa Maria Scala Coeli é considerada pelos eborenses como um dos seus tesouros, artístico e, ainda mais, espiritual.

Mas, em 1834, as forças revolucionárias expulsaram os cartuxos, junto com todos os religiosos. O mosteiro passou a ser do Estado que o aproveitou para Escola de agricultura (a monumental igreja serviu de celeiro...). Em 1871 a família Eugénio de Almeida adquiriu as ruínas.

A meados do séc. XX o herdeiro, Vasco Maria, Conde de Villalva, decidiu restaurar o mosteiro e devolvê-lo à Ordem de São Bruno. Sete foram os fundadores em 1587 e sete os restauradores em 1960. Data de 1960 a reinstalação dos Monges Cartuxos, a convite do Instituidor da Fundação que, com essa finalidade, promoveu profundas obras de reconstrução e restauro do edifício. O Mosteiro de Santa Maria Scala Coeli ou Cartuxa de Évora, propriedade da Fundação Eugénio de Almeida, é um local de oração e contemplação, única presença dos Monges Cartuxos em Portugal.
A partir de então a vida cartusiana renasceu e reviveu em Santa Maria Scala Coeli, aberta ao ingresso de novas vocações portuguesas.

Vizinho da Adega Cartuxa, com ela partilha uma atmosfera bucólica que convida à serenidade e ao recolhimento.

Partilhar conteúdo: